10 erros de startup na hora da abertura da empresa

Não podemos negar o forte crescimento que as startups estão tendo no Brasil, muitos projetos bons, mas temos que ter bastante cuidado, visando isso, escrevi para você os 10 erros de startup na hora de montar uma startup.

1. Startup é diferente de outra empresa?

Não, startup é apenas o modelo de negocio que tem por função criar algo inovador, preço viável e escalabilidade, esse é o modelo de negócio, porém é uma empresa norma como outra, tem CNPJ, Emiti Nota Fiscal, tem obrigações e tudo que uma empresa normal precisa.

Esse é um dos erros de startup na hora de abrir no caso, se formalizar, cadastrar e não entender que vai ter os mesmo problemas e burocracia que outras empresas terão ao longo do seu tempo.

Não é porque varias startups estão conseguindo investidor, estão crescendo, que a sua de uma hora para outra vai vingar e achar que tudo é uma maravilha, cada dia é um incêndio a se apagar como toda empresa.

Startup paga Imposto, precisa fazer declarações fiscais, precisa ter controle financeiro, pagar fornecedor, salário de sócio de funcionário, distribuir lucro e por ai vai, é uma empresa normal como outras.

2. Não saber dos problemas do ramo que está pretendendo atuar.

Não é só ter uma boa ideia, achar que o seu produto vai mudar o mundo, as pessoas e aquilo ser apenas um dos pequenos problemas que o determinado ramo, vamos chamar de nicho, um dos pequenos problemas que o nicho tem.

Imagine você sem entender nada sobre operacional de um escritório e querer fazer um sistema para isso? Além do operacional todo as declarações, obrigações, que só um contador saber, claro que você vai fazer a pesquisa de mercado etc, mas não é só aquilo que se vê, é muito mais.

Entender não só o operacional, mas o mercado, as dores da persona, saber se o produto é comercializado, tem escalabilidade, tem retorno em quanto tempo? Quais os custo e tempo necessário para os 1 testes?

Tudo isso tem que levar em conta, fazer o planejamento de mercado, achar que vai dar certo, só vai fazer você achar no meio do caminho que está tudo errado. Tem que saber no que está se metendo, esse um dos erros de startup, cuidado.

3. Abrir uma Startup para fazer empréstimo

Dependendo do ponto de vista a duas situações, uma é ter uma ideia fazer um projeto e apresentar para pegar investimento, que querendo ou não é um empréstimo.

Outro ponto é o maior erro da startup, que podemos analisar, muitas abrem o CNPJ com intuito de conseguir empréstimo para que financiei o projeto, claro é um risco, pois embora tenha um projeto bom, ótimo, o mercado ainda é incerto.

E começar uma empresa com uma obrigação mensalmente ao banco é complicado, pois já tem os custos iniciais, abertura da empresa, locação do endereço físico ou virtual, despesa operacional e o risco de não conseguir paga o banco, juros lá em cima e se ver numa bola de neve sem fim.

E assim com os empréstimos sem receita para cobrir que muitas empresas incluindo as startups fecham.

4. achar que vai enriquecer fácil em pouco tempo

Algumas histórias de sucesso, inspira muitos empreendedores, mas os casos de sucesso repentino são poucos, empreender é muita ralação mesmo, é correr atrás de cliente, negociar fornecedor.

É saber que todo dia vai ter problema, seja com funcionário, contador, com cliente, com fornecedor com quem tiver uma relação com a empresa, o que chamam de stakeholders, que são as partes que influenciam a empresa.

Empresa é um projeto e deve ser trabalhado diariamente, com planejamento, gerenciamento, analise de risco e todas dificuldades que uma empresa tem.

Empresa não é loteria, onde você dá uns números e de repente tem milhões em conta pra curtir a vida, até aqueles que venderam seus projetos por milhões ralaram muito pra conseguirem ser visto e ter um comprador que se desembolsa os milhões tão desejado, pensando que vai enriquecer fácil é um dos erros de startup.

5. Não sabe delegar e distribuir as tarefas com a equipe

A maioria dos empreendedores de startups são jovens com ideias inovadoras que tem um sonho, assim como todo empreendedor, porem essa questão de ser jovem, em certos momentos vai faltar experiência.

Essa experiencia é fundamental, seja nas tomadas de decisão, seja no planejamento e no dia a dia, naqueles pequenos problemas diárias e alguns repetitivos por falta de executar a solução completa.

E saber delegar as tarefas não é uma tarefa fácil, muito menos saber cobrar, o jeito, como cobrar tarefas atrasadas, o stress do dia a dia. Tem que ter aquele perfil de líder, saber delegar, saber distribuir as tarefas com a equipe, sabendo lidar com isso você vai evita problemas como esse em sua empresa, esse é um dos erros de startup.

6. Não ter um planejamento Financeiro, erros de startup iniciante

Assim como qualquer empresa, é necessário fazer o planejamento financeiro da startup, analisar e provisionar todas as despesas sejam fixas, variáveis, reserva de caixa.

Sem isso você vai apenas lutar para sobreviver, saber o que tem a pagar vai ser o diferencial da sua sobrevivência, pois é a partir da previsão de despesa e receita que os sócios irão saber quanto realmente é seu lucro.

Exemplos de contas que devem estar no planejamento mensal:

  • Aluguel (seja de sala física ou virtual)
  • Imposto Federal mensal
  • Internet
  • Energia
  • Material de expediente
  • Licença de software
  • Hospedagem do site
  • Salário funcionário (se houver)
  • Telefone
  • Marketing

Esses são alguns exemplos que devem ser mapeados, provisionados e simulados para saber qual a despesa mensal da empresa, um dos grandes erros de startup é não ter um simples fluxo de caixa.

7. Contrato social bem elaborado e responsabilidade aos sócios distribuídas

Contrato social é sempre um cuidado especial que se deve ter e se sua empresa por acaso tiver vários sócios, todo cuidado é pouco.

Clausulas devem ser discutidas a fim de sempre prezar pela empresa, um bom advogado pode instruir e ajudar a elaborar para que todos entre em acordo.

Algumas clausulas como de administrador deve ser decidido para saber, quem irá assinar pela empresa, quem vai assinar os documentos do banco etc.

A administração pode ser isoladamente ou em conjunto, quando está em conjunto só tem validade se ambos os sócios assinarem junto determinado documento.

Clausula de falecimento, de repente um sócio falece, isso pode acontecer, e como fica a empresa, as quotas, tem todo um protocolo jurídico a seguir, mas estando em clausula, certos cuidados incêndios a serem apagados.

A forma de distribuição de lucro como será? Conforme percentual em quotas, por produção, enfim, elaborem bem o contrato para que não isso não vira uma bola de nove, e acabe virando um processo judicial.

8. Não saber escolher os sócios

Quando se pensa em sócios, primeiramente tem que ter certos cuidados:

  • Você conhece a personalidade do seu sócio?
  • Ela/ele vai suprir a necessidade que tem a startup?
  • Se o socio tem nome limpo? Pois isso dificulta até abrir conta em banco
  • Verificou o histórico se participou de outras sociedades? Por qual motivo saiu?

Cuidado simples, perguntas que vão lhe poupar dor de cabeça lá na frente, imagine você ter um sócio e o mesmo some, não da resposta, ninguém acha o cara no endereço, telefone, e sabe do mais? isso é norma de acontecer.

Então na hora de escolher um sócio, não cometa esse erros de startup que está mal começando.

9. Fazer o marketing de qualquer jeito, sem ter uma estratégia

Quando se fala em marketing não é apenas as postagens em rede sociais, ou um panfleto ao cliente que vai visitar um cartão de visita, marketing é bem mais do que isso.

Fazer o marketing de qualquer jeito é um erro de startup iniciante e imagina você de repente faz uma campanha para um publico que não tem nada a ver com o seu negócio? Pois é isso acontece e muito.

Conhecer sua persona, seu publico alvo, saber onde se encontra e como aparecer para que o publico certo veja sua campanha é fundamental para que você não gaste dinheiro em vão.

Esperar que os clientes vão até você, isso já não existe mais, você tem que saber aonde esta o seu cliente, o marketing é justamente isso, usando ferramentas, você aparece na hora que a sua persona te procura.

Isso faz com que você não gaste dinheiro fazer marketing de qualquer jeito, erros de startup, erro de marketing, acarreta perca de dinheiro.

10. Não tem uma assessoria contábil

A partir do momento que você abrir uma empresa, começa as obrigações fiscais de todo CNPJ, sejam Federal, Municipal, previdenciário, são várias obrigações, com movimentou ou sem movimento sua empresa tem que declarar.

E o não envio dessas declarações acarreta multa mensal, imagine você al começou atrás de investimento, precisando de certidão negativa de debito, não deve imposto nenhum, mas deve obrigação, deve declaração que não foi enviada.

Além do mais é preciso fazer uma análise tributária da startup, será que é mais viável eu ser do:

a) MEI: Microempreendedor individual, pode faturar ate R$ 6.750,00 mensal, pode ter um único funcionário com salário mínimo ou da categoria. (empresa um único dono.

Bom o MEI não é muito recomendado para startup, ate por causa da sua limitação.

Então imagine você coloca sua empresa no regime tributário errado, lá vai mais prejuízo para quem mal começou a vida de empresário.

Para startup que tem porte de capital como o investidor anjo, são obrigados a enviar a contabilidade digital para a Receita Federal, e toda sua movimentação financeira e fiscal e declarada junto, todo cuidado é pouco para não fazer nada de errado e pegar uma multa onerosa.

Distribuição de lucro da startup é um cuidado que tem que ter, pois só se pode distribuir lucro contábil, e sem contabilidade, sem o balanço patrimonial com a distribuição correta, pode acarretar problemas com o Leão.

Os cuidados na hora de Emitir a Nota Fiscal, também faz parte para que você tenha uma boa assessoria contábil e que não corra nenhum risco com o Fisco.

Nós da The Control fazemos assessoria completa para as Startup, desde a elaboração do contrato social, abertura da empresa, CNPJ, Regime tributário, declaração, distribuição de lucro, enfim.

Não cometa erros de startup iniciante, começa com uma assessoria que sua empresa terá vida saudável financeira, fiscal e tributária.

Solite um orçamento [AQUI]

Contador, Especialista em Direito Tributário, Gestão e Estrategia de Empresa, atuante a 12 anos na aréa de Assessoria de Contabilidade, Empreendedor, Palestrante, Atualmente Diretor Da The Control Contabilidade Online.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WhatsApp Chat
Enviar mensagem via WhatsApp
X