15 ERROS DE GESTÃO DE PEQUENA EMPRESA

Não basta apenas abrir uma empresa e esperar que ela dê frutos, para que isso aconteça é essencial que a gestão de pequena empresa seja feita da melhor forma possível.

Além de prejudicar seus negócios, os erros na gestão de pequena empresa podem fazer levá-lo à falência, tendo que fechar as portas mais cedo que poderia imaginar.

Esteja preparado para comandar seu negócio, não apenas esperar retornos sem que esforços sejam feitos ou, a falha mais grave que muitos cometem, que não tenha um acompanhamento da gestão do lugar. Não é a falta de conhecimento que limitará o sucesso de pequenas empresas.

Acompanhe agora os erros mais comuns cometidos e atente-se à melhor forma de solucioná-los, tudo depende apenas de você!

1- Não ter um sistema de gestão, mesmo sendo uma pequena empresa

Muitos dos donos das pequenas empresas não têm noção do potencial financeiro que a própria empresa tem. Desta forma acabam negligenciando o caixa, usando um valor superior ao que é as condições da empresa permite.

Busque sempre ter um controle de gastos, trabalhe com números, busque exatidão. Se for preciso, busque ajuda profissional. E jamais, em hipótese alguma, misture seus recursos financeiros pessoais com os da empresa.

Use livros de anotação, registros online, planilhas, da forma que você achar melhor, só assim terá, de fato, uma gestão que funcione.

Afinal como fazer a gestão de pequena empresa se não tem relatorios? analises?.. Impossivel.

2- Falta de registro de qualquer informação

Mesmo que, às vezes não pareça útil, sempre é importante anotar uma informação que diz respeito à sua empresa. A falta delas pode acarretar em muitos problemas.

Registro de caixa, retirada de capital, compras feitas, entrada de recursos. Tudo conta na hora de fazer um balanço final, para que a gestão caminhe da melhor forma.

3- Desatenção às demandas do mercado

Não é viável sustentar pequenas empresas que não acompanhe o ritmo do mercado atual, independente do ramo que elas irão atuar.

Os micro e pequenos empresários devem sempre se atentarem ao mercado, estudá-lo e acompanhar sempre a demanda que ele pede.

Estar por dentro disso já é um grande passo para a gestão da empresa.

4- Não se importar com o cliente

O cliente é a peça determinante para o sucesso de seus negócios. Jamais deixe de prestar auxílio e atenção a ele. Esteja sempre pronto a atendê-lo e a sanar todas as dúvidas.

Além de buscar uma melhor qualidade em produtos ou serviços oferecidos, busque também excelência no atendimento para com ele.

Lembre-se que sua vida empresarial se encontra nas mãos de seu cliente.

5- Desatenção com as contas, um dos maiores erros na gestão de pequenas empresas

Não estar por dentro dos valores das contas que deverão ser pagas, ou as que deverão ser recebidas é uma ausência de planejamento enorme, podendo atrapalhar as contas que irão chegar.

Este mal hábito pode desbancar o caixa, trazendo gastos desnecessários e levando à quebra da pequena empresa que você sempre sonhou em construir.

Atente-se a tudo que diz respeito do capital de giro, ele é o que faz sua empresa existir.

6- Acreditar que qualquer pessoa é confiável para os cargos

Acreditar que amigos e parentes são os melhores funcionários e/ou sócios, pode ser um grande erro de gestão empresarial.

Quando diz respeito a negócios, o objetivo tem de ser sólido e ir de acordo com as necessidades.

Lembre-se que o mercado em que está inserido exige relações profissionais, não afetivas.

7- Não separar funções

É muito importante dividir os serviços que há para serem feitos, por mais que seja uma pequena empresa, há muitos.

Isso é importante para que você não fique sobrecarregado e que todos seus funcionários tenha uma ocupação.

Esse erro de gestão pode ser bem sério, pois uma pessoa muito sobrecarregada pode acabar fazendo coisas erradas, pelo fato de estar saturada de informações e, consequentemente, cansada.

8- Não acompanhar os gastos mensais, erro de gestão de pequena empresa

Ter ciência de todos os gastos mensais, as despesas que são geradas, contas pagas ou qualquer outro gasto permite um melhor controle de capital e faz que sua pequena empresa funcione sem problema.

9- Esquecer que tem concorrentes

Uma forma de negligenciar a gestão de pequenas empresas é acreditar que o mercado é só para você, que ninguém mais investe no mesmo ramo que optou.

Se inserir no mercado sem conhecer a concorrência pode ser uma armadilha. Desta forma é impossível oferecer um diferencial para que sua pequena empresa se destaque em meio às que já existem.

Analise sempre o que está sendo oferecido por eles e descubra em quais pontos focar para que seu serviço seja destaque.

10- Faltar estabelecimento de prazos e metas

Muito difícil uma gestão de pequena empresa funcionar sem prazos e metas, não é mesmo?

São os dois, quando combinados, que geram melhores resultados e aumentam a produção da empresa, esteja ela prestando um serviço ou vendendo produtos.

Estabelecer esses prazos e metas faz com que todos seus funcionários foquem mais e desempenhem da melhor forma na função.

11- Não investir em tecnologia

Vivemos em um mundo onde as coisas se tornam obsoletas muito fácil. A tecnologia é muito vasta e pode fazer com que sua pequena empresa se desenvolva e se torne maior que pensa. Use-a a seu favor!

12- Não conhecer bem sua empresa

Ao contrário dos empresários seguros, que querem fazer todas as funções, ser um empresário que confia sua empresa aos funcionários e não acompanha nada de perto pode também ser um grande erro na gestão de pequena empresa.

Busque conhecer todos os ciclos de serviços, o fluxo de capital que corre em sua empresa, o que cada funcionário é responsável em fazer. Quem não sabe nada disso, pode acabar desorganizando todos os processos da empresa.

13- Separação de Físico e Jurídico

Busque sempre separar os gastos pessoais, e dos sócios, de tudo o que diz respeito ao caixa da empresa. Muitas pessoas acabam cometendo esse erro e distorcendo todos os lucros da empresa.

14- Falta de acompanhamento dos resultados

É importante que haja monitoramento de todos os resultados que são gerados.

A análise bem feita pode auxiliar no crescimento da pequena empresa, demonstrando as falhas a serem corrigidas. O recomendado é que se faça sempre um demonstrativo de resultados.

15- Reserva de emergência

É crucial que se faça uma reserva de emergência, pois pode ocorrer alguma situação em que o capital disponível para gasto não cubra o necessário.

Esta medida irá poupar a empresa de um eventual rombo no cofre, que poderia ser extremamente prejudicial.

Toda medida tomada faz com que sua empresa funcione da melhor forma possível.

Então, o que acha de trabalhar com uma melhor gestão para sua empresa? Os resultados podem ser surpreendentes!

Depende apenas de você!

Nós da The Control temos planos de assessoria que inclui fluo de caixa e gestão financeira para pequenas empresas, que pode e vai ajudar na sua gestão de pequena empresa, quer mais informações, solicite um orçamento sem ccompromisso [AQUI]

WhatsApp Chat
Enviar mensagem via WhatsApp
X